Artistas

Renato Stockler

Renato Stockler é paulistano nascido em 1978. Jornalista graduado pela PUC-SP e fotógrafo desde 2001, trabalhou na redação do jornal Folha de São Paulo entre 2004 e 2007 como fotojornalista até fundar a Na Lata Agência de Fotografia, da qual foi sócio até 2017

Foi professor da disciplina de Fotojornalismo na Faculdade de Filosofia, Comunicação, Letras e Artes da PUC-SP em 2013 e 2014 e coordenou o curso de Pós-graduação em Imagem, do Madalena Centro de Estudos da Imagem, entre 2016 e 2018.

Contemplado pelo Prêmio Saltando Muros em 2013, parceria entre o Fondo Iberoamericano de Artes e o Memorial da América Latina com apoio da Secretaria Geral Ibero-Americana (SEGIB), participou de 3 edições da Mostra São Paulo de Fotografia (DOC Galeria) com exposições individuais.

Expôs o ensaio “Terrão de Cima” na Mostra Futebol BR em 2014, ensaio publicado posteriormente na Rússia, Polônia, Alemanha, Estados Unidos, Coreia do Sul, Itália, Venezuela, França e Noruega. Participou da Mostra Coletiva 1° de Maio, na Galeria Marta Traba, no Memorial da América Latina, em 2013.

Diretor de documentários sobre empreendedorismo socioambiental, produziu uma série de vídeos institucionais e documentários sobre responsabilidade socioambiental de empresas, marcas globais, negócios sociais, fundações e associações como: PNUD (Programa das Nações Unidas para o Dezenvolvimento), Itaú, Citi Foundation, International Youth Foundation, Womanity, Nova Escola, Fundação Lemann, SESC-SP, Vice, Coca-Cola, Google, Spotify, Instituto de Pesquisas Ecológicas, Geekie, Aliança Empreendedora, entre outros.

Desde 2012 dirige e fotografa os minidocumentários para o Prêmio Empreendedor Social Folha de São Paulo - Schwab Foundation for Social Enterpreneurship. Realizou a cobertura fotográfica para o Prêmio desde 2005, documentando a atuação de 116 instituições em 190 municípios por todo o território brasileiro.

Assina a fotografia do longa-metragem "Espírito da Luta - 12 de Novembro” e da série “Linhas Tortas", direção de João Wainer e produção da Academia de Filmes. Dirigiu a fotografia dos longa- metragem "Abismo Tropical" e "Flores do Cárcere", dirigidos por Paulo Caldas e Barbara Cunha. Dirigiu a fotografia da série “Comida é Arte", com o jornalista Josimar Melo e produzido pela 99 Produções. Assina a direção de fotografia da Série “Libertários”, dirigido por Juliana Borges e Renato Barbieri e produzido pela Gaya Filmes em parceria com a Rede Cultura de Televisão.

Obras do artista