Artistas

Marcius Galan

Nascido em 1972, Indianápolis, Estados Unidos.
Vive e trabalha em São Paulo, Brasil.

Educação

     

    PRÊMIOS E BOLSAS DE ESTUDO:

    2013

  • Gasworks International Residency Programme. Londres, Inglaterra.
  • 2012

  • Pipa (Prêmio Investidor Profissional de Arte). Rio de Janeiro, Brasil.
  • 2011

  • Cifo – Cisneros Fontanals Comission Prize – exposição em agosto de 2011. Miami, EUA.
  • 2009

  • Prêmio aquisição SP-Arte/Iguatemi – aquisição para Pinacoteca do Estado de São Paulo, Brasil.
  • 2004

  • Bolsa Instituto Iberê Camargo/Visiting Artists Program – School of the Art Institute of Chicago, EUA.
  • 2003

  • Bolsa Faap/Cité Internationale des Arts. Paris, França.
  • 1995

  • Prêmio Michelangelo de Pintura. São Paulo, Brasil.

Exposições Individuais

    2018

  • Exercício de divisão, Galeria Francisco Fino, Lisboa, Portugal.
  • Mará-obi, Capela do Morumbi, São Paulo, Brasil.
  • Andar em círculos, aarea.co.
  • Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil.
  • 2017

  • Penetra, Fundação Ema Klabin, São Paulo, Brasil.
  • Martelinho de Ouro, Galeria Silvia Cintra, Rio de Janeiro, Brasil.
  • Line Weight, Galerija Gregor Podnar, Berlim, Alemanha.
  • 2015

  • Planta/Corte, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • Espaço Cultural Leônidas Simonetti, Bauru, Brasil.
  • 2014

  • Arquitecturas del Desarraigo, Ideobox Artspace, Miami, EUA.
  • Como dobrardesdobrar uma bandeira, Galeria Silvia Cintra + Box4, Rio de Janeiro, Brasil.
  • 2013

  • Diagrama, Espacio NC, Bogotá, Colombia.
  • Geometric Progression – Inside the White Cube, White Cube, Londres, Inglaterra.
  • 2011

  • Imóvel/Instável, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • 2010

  • Area útil: área comum, Galeria Silvia Cintra + Box 4, Rio de Janeiro, Brasil.
  • 2009

  • Seção Diagonal, Galeria Box 4, Rio de Janeiro, Brasil.
  • 2008

  • Geometria Informal, Galeria Pedro Cera, Lisboa, Portugal.
  • Área Comum, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • 2005

  • Arquipélago, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • 2004

  • Fundo Falso, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • 2001

  • Temporada de Projetos Paço das Artes, São Paulo, Brasil.
  • 1999

  • Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil.
  • 1998

  • 3º Andar, São Paulo, Brasil.
  • 1997

  • Abra, São Paulo, Brasil.
  • 1996

  • Projeto Outdoor, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.

Exposições Coletivas

    2018

  • Plural Domains – trabalhos selecionados da coleção CIFO parte da Bienal de Cuenca 2018, Museo de la Ciudad (Antigua Escuela Central) Benigno Malo y Gran Colombia, Cuenca, Equador.
  • MAM 70, Museu de Arte Moderna, São Paulo, Brasil.
  • A vastidão dos mapas, Palacete das Artes, Salvador, Brasil.
  • O lugar do centro, Central Galeria, São Paulo, Brasil.
  • Visiones de la Tierra / El mundo planeado – Coleção Luís Paulo Montenegro, Sala de Arte Santander, Madri, Espanha.
  • Afinidades Eletivas, Galeria Esther Schipper, Berlim, Alemanha.
  • Jardim das delícia com juízo final, Galeria Cavalo, Rio de Janeiro, Brasil.
  • 2017

  • Art and Space, Guggenheim Bilbao, Bilbao, Espanha.
  • 2057, NF Galeria, Madri, Espanha.
  • Past/Future/Present, Phoenix Art Museum, Phoenix, EUA.
  • Frestas Trienal, SESC Sorocaba, Sorocaba, Brasil.
  • In Memoriam, Caixa Cultural Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil.
  • Passagens – Coleção de Serralves no Porto de Leixões, Terminal de Cruzeiros, Matosinhos, Portugal.
  • A vastidão dos mapas – arte contemporânea em diálogos com mapas da Coleção Santader Brasil, MON Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, Brasil.
  • Avenida Paulista, MASP Museu de Arte de São Paulo, São Paulo, Brasil.
  • 2016

  • Everyday Reflections in Abstraction, Space Collection, Irvine, EUA.
  • Transparência e Reflexo, MuBE Museu Brasileiro da Escultura, São Paulo, Brasil.
  • Homo Ludens, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • Around the edge, Broadway 1602, Nova York, EUA.
  • De lo espiritual en el arte, MAMM Museo de Arte Moderno de Medellín, Colômbia.
  • Brazil, Beleza?! Contemporary Brazilian Sculpture, Museum Beelden aan Zee, Haia, Holanda.
  • Mapas, Cartas, Guias e Portulanos, Sala de Arte Santander, São Paulo, Brasil.
  • O Estado da Arte, Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil.
  • Obras, Lora Reynolds Gallery, Austin, EUA.
  • 2015

  • A Arte e a Ciência: nós entre os extremos, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil.
  • A palavra palavra, Galeria Carbono, São Paulo, Brasil.
  • Cidade Inquieta, Sesc Rio Preto, São José do Rio Preto, Brasil.
  • Site, Specific, Objects, Galerija Gregor Podnar, Berlim, Alemanha.
  • Biennial of the Americas, MCA Museum of Contemporary Art, Denver, EUA.
  • Imaterialidade, Sesc Belenzinho, São Paulo, Brasil.
  • Empty House, Luhring Augustine, Nova York, EUA.
  • Edições Tijuana – Publicando na Fronteira, MdM Gallery, Paris, França.
  • O Espírito de Cada Época, Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil.
  • Akakor, Galpão Baró Galeria, São Paulo, Brasil.
  • Do Objeto para o Mundo – Coleção Inhotim, Itaú Cultural, São Paulo, Brasil.
  • Singularidades/Anotações: Rumos Artes Visuais 1998-2013, Palácio das Artes, Belo Horizonte, Brasil.
  • ONE MADE IT NO RETURN CREATE EQUAL WHITE MIRROR AMNESIA, BROADWAY 1602, Nova Iorque, EUA.
  • Question Centre, Marcius Galan and Antonio Dias, Pivô, São Paulo, Brasil.
  • Ações, estratégias e situações nas coleções do MAM, MAM Rio Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Brasil.
  • Verkehrte Welt. Häusler Contemporary, Zurique, Suíça.
  • Naked Artist – colaboração com A. Kassen, Maisterravalbuena Galeria, Madrid, Espanha.
  • 2014

  • Eu represento os artistas, Revisited, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • Inside, Palais de Tokyo, Paris, França.
  • Spatial Acts: Americas Society Commissions Art, New York, EUA.
  • Rumos singularidades, Itaú Cultural, São Paulo, Brasil.
  • Arquitectura del Desarraigo (Construyendo no-lugares), Saludarte Foundation, Miami, EUA.
  • Brazil: Arbeit und Freundschaft, Pivô, São Paulo, Brasil.
  • Imagine Brazil – artists books section, Musée d' art contemporain de Lyon, Lyon, França.
  • Roesler Hotel #25 – dispositivos para um mundo (im) possível, Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil.
  • 140 Caracteres, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil.
  • Cruzamentos: Contemporary Art in Brazil, Wexner Center for the Arts, Columbus, EUA.
  • Experimentando Espaços, Museu da Casa Brasileira, São Paulo, Brasil.
  • 2013

  • Tight but Loose – Julio Suárez / Marcius Galan, Galeria Agustina Ferreyra, San Juan, Porto Rico.
  • Imagine Brazil – artists books section, Astrup Fearnley Museet, Oslo, Noruega.
  • Além da Biblioteca, Feira do Livro de Frankfurt, Frankfurt, Alemanha.
  • 30 x Bienal, Pavilhão Bienal de São Paulo, São Paulo, Brasil.
  • My third Country, Frankdael , Amsterdã, Holanda.
  • Mitologias por Procuração, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, Brasil.
  • Avante Brazil, Kunst im Tunnel, Düsseldorf, Alemanha.
  • In Lines and Realignments, Simon Lee Gallery, Londres, Inglaterra.
  • Dreaming is a form of planning, Galeria Agustina Ferreyra, San Juan, Porto Rico.
  • Exposição de Verão, Galeria Silvia Cintra + Box 4, Rio de Janeiro, Brasil.
  • Circuitos Cruzados – Centre Pompidou encontra MAM, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil.
  • Blind Field, Kannert Art Museum and Kinkead Pavilion, Illinois, EUA.
  • 2012

  • Para Além do Arquivo, Banco Cultural Banco do Nordeste, Fortaleza, Brasil.
  • Repeat to Fade, curadoria Carolyn Drake e Carly McGoldrick, Galeria Mendes Wood, São Paulo, Brasil.
  • Planos de fuga – Uma exposição em obras, Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, Brasil.
  • This is Brazil! 1990 – 2012, Palexco, La Coruña, Espanha.
  • Expansivo, Galeria Vermelho, São Paulo, Brasil.
  • The Exact Weight of Lightness, Galeria Travessia Cuatro, Madrid, Espanha.
  • Mapas Invisibles, curadoria Violeta Horcasitas, Galeria Luis Adelantado, Cidade do México, México.
  • Curator’s Egg Altera Pars, Anthony Reynolds Gallery, Londres, Inglaterra.
  • 2011

  • Um outro lugar, Galeria Lelong, Nova Iorque, EUA.
  • 8a Bienal do Mercosul, Porto Alegre, Brasil.
  • Cisneros Fontanals Art Foundation 2011 Grants Program, Miami, EUA.
  • Des(enho), Galeria Casas Riegner, Bogotá, Colômbia.
  • Nova Escultura Brasileira, Caixa Cultural Rio de Janeiro, Brasil.
  • Um Outro Lugar, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil.
  • Vestígios de Brasilidade, Santander Cultural, Recife, Brasil.
  • Seleção especial da 29a Bienal Internacional de São Paulo, MEPE Museu do Estado de Pernambuco, Recife, Brasil.
  • Seleção especial da 29a Bienal Internacional de São Paulo, MAM Rio Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Brasil.
  • En Obras, curadoria de Adriano Pedrosa, Tenerife Espaço de las Artes, Ilhas Canárias, Espanha.
  • Mitologias, Cité Internationale des Artes, Paris, França.
  • Nova Escultura Brasileira – Heranças e Diversidades, Caixa Cultural Rio, Rio de Janeiro, Brasil.
  • Os Primeiros Dez Anos, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil.
  • 2010

  • 29a Bienal de São Paulo, Há sempre um copo de mar para um homem navegar, São Paulo, Brasil.
  • Convivências, dez anos da bolsa Iberê Camargo, Porto Alegre, Brasil.
  • Primeira e ultima – Notas sobre o monumento, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • A Sombra do Futuro, Instituto Cultural Cervantes, São Paulo, Brasil.
  • Para ser Construidos, MUSAC, Espanha.
  • Zona Maco Sur, Zona Maco, Cidade do Mexico, México.
  • Dimensões variáveis, Centro Cultural São Paulo, Brasil.
  • 1 de cada 1, Galeria Silvia Cintra + Box4, Rio de Janeiro, Brasil.
  • 2009

  • La importancia del Pez Cebra, curadoria, Pilar Parra & Romero Gallery, Madrid, Espanha.
  • Collector Collecting, Gallery 32, Londres, Inglaterra.
  • Jardim de Infância – Os irmãos Campana visitam o MAM, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, Brasil.
  • Atenção: Estratégias para perceber arte, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, Brasil.
  • Desenhos [Drawings] A-Z, Museu da Cidade, Lisboa, Portugal.
  • Nova Arte Nova, Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, Brasil.
  • Summer Show, Galeria Box 4, Rio de Janeiro, Brasil.
  • 2008

  • Color into light – Selections from the MFAH Permanent Collection, Museum of Fine Arts Huston, EUA.
  • Nova Arte Nova, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, Brasil.
  • Passagens Secretas, Centro Cultural São Paulo, Brasil.
  • Active Forms, Eleven Rivington Gallery, Nova York, EUA.
  • Soziale Diagramme. Planing Reconsidered, Künstlerhaus Stuttgart, Alemanha.
  • OIDARADIO, Paço das Artes, São Paulo, Brasil.
  • Contraditório – Panorama da arte brasileira, Alcalá 31, Madrid, Espanha.
  • Looks Conceptual ou como confundi um Carl André com uma Pilha de Tijolos, Galeria Vermelho, São Paulo, Brasil.
  • 2007

  • Contraditório – Panorama da arte brasileira, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, Brasil.
  • Manual – Instructions for beginners and advanced players, Kronika Gallery, Bytom, Polônia.
  • Most curatorial bienal of the universe, APEXART, Nova York, EUA.
  • Drawing is a verb [Desenhar é um verbo], Collection MCS, Galeria Porta 33, Funchal, Ilha da Madeira, Portugal.
  • 2006

  • Geração da Virada – 10 + 1: Os Anos Recentes da Arte Brasileira, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil.
  • Contrabando, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • Paralela 2006, São Paulo, Brasil.
  • MAM na OCA, Pavilhão da Oca, São Paulo, Brasil.
  • Sem Título 2006, comodato Eduardo Brandão e Jan Fjeld, MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo, Brasil.
  • URBE, Casa Triângulo, São Paulo, Brasil.
  • 2005

  • Além da Imagem, Centro Cultural Telemar, Rio de Janeiro, Brasil.
  • Amazonas: um Estado Sustentável, Palácio do Rio Negro, Manaus, Brasil.
  • VERBO, Galeria Vermelho, São Paulo, Brasil.
  • V Salão Nacional de Arte de Goiás, Goiânia, Brasil.
  • XI Salão Unama dos Pequenos Formatos, Belém, Brasil.
  • 2004

  • Fragmentos e Souvenires Paulistanos vol. 1, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • Paralela 2004, São Paulo, Brasil.
  • 2003

  • A Nova Geometria, Galeria Fortes Vilaça, São Paulo, Brasil.
  • Coletiva dos artistas residentes na Cité des Arts, Paris, França.
  • Coletiva, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • 2002

  • Marrom, Galeria Vermelho, São Paulo, Brasil.
  • Desenhistas e Coloristas, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • Coleções III, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • Paralela, Galeria Fortes Vilaça; Casa Triângulo; Galeria Luisa Strina; Galeria Brito Cimino, São Paulo, Brasil.
  • 2000

  • Capela Sistina, Galeria Luisa Strina, São Paulo, Brasil.
  • Rumos Visuais Itaú Cultural, São Paulo, Brasil.
  • 1999

  • Em Torno do Corpo (exposição itinerante do programa Rumos visuais), Itaú Cultural, Brasil.
  • Itaú Cultural Belo Horizonte, Brasil.
  • Itaú Galeria, Brasília, Brasil.
  • Itaú Galeria, Penápolis, Brasil.
  • 1998

  • Salão Unama dos Pequenos Formatos, Belém, Brasil.
  • Sem Cura, Mezanino FAAP, São Paulo, Brasil.
  • 1997

  • Semana de Artes FAAP, São Paulo, Brasil.
  • 1996

  • Programa Abra de exposições, São Paulo, Brasil.
  • 1995

  • Prêmio Michelangelo de Pintura, Centro Cultural São Paulo, Brasil.

Coleções Públicas

     

    Cifo, Cisneros Fontanals, Miami, EUA.

    Coleção de Desenhos da Madeira.

    Fundação Leal Rios, Lisbon.

    JUMEX, Cidade do México, México.

    Instituto Inhotim, Brumadinho, Brasil.

    Instituto Figuereido Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil.

    Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM, SP, Brasil.

    Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro – MAM Rio, Brasil.

    Museum of Fine Arts, Houston, EUA.

    Museu Serralves, Porto, Portugal.

    Pinacoteca do Estado de São Paulo, Brasil.

    Phoenix Art Museum, Phoenix, EUA.

    Zabludowicz Collection, Londres, Inglaterra.

Obras do artista