Artistas

Celso Gitahy

Paulistano 1968 – Artista Plástico, e reconhecido artista urbano paulistano, um dos precursores do graffiti em SP e no Brasil, dedica sua produção a arte urbana desde o início dos anos oitenta. Participou de exposições em galerias, centros culturais e teve suas obras expostas em espaços públicos no Brasil, Argentina, USA, Itália, França, Alemanha, Hungría, China, Cuba e Austrália, onde realizou além de trabalhos na cidade, duas exposições individuais e três coletivas. É graduado pela Belas Artes de São Paulo, e autor de diversas publicações, com destaque para os livros “ O que é Graffiti”, da editora Brasiliense; “Grafiteiros grafitistas rumo a virada do milênio” Revista do Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, entre outros. É contemporâneo dos primeiros grafiteiros de São Paulo e apontado como um dos principais articuladores das comemorações do dia do grafite no Brasil. A partir do começo dos anos noventa especializou-se em estêncil arte, técnica muito presente em sua obra até os dias de hoje. Realiza oficinas, palestras e curadorias abordando arte urbana. É autor do livro “O que é Graffiti” da coleção Primeiros Passos da ed. Brasiliense; assina um capítulo no livro “O Graffiti na cidade de São Paulo e sua vertente no Brasil”; “Estéticas e estilos” editado pelo Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo e o artigo Grafiteiros grafitistas rumo a virada do milênio inserido na Revista do Patrimônio Histórico – Ano III da Secretaria Municipal de Cultura de SP. Em 2010 e 2012 foi professor convidado do curso de artes visuais da Universidade Camilo Castelo Branco, Unicastelo.

Obras do artista