Agenda

MASP Escola - Cursos online em maio

MASP - online

MASP Escola - Cursos online em maio

MASP Escola lança quatro novos cursos online em maio

 

O MASP Escola chega em maio com quatro cursos online inéditos. As formações são as seguintes: Narrativas plurais: caminhos indígenas, quilombolas e afro-diaspóricos para a descolonização; Histórias das exposições e crítica curatorial; Vestimentas e representações negras nas Histórias da arte e Outras histórias da sexualidade: memórias invisibilizadas e arquivos dissidentes.

Em 2020, devido às restrições que a pandemia do novo coronavírus provocou, o MASP Escola migrou para o ambiente digital e, pela primeira vez, realizou cursos 100% online. Dos 37 cursos realizados no ano, 30 foram oferecidos no formato online e com a participação de 2.276 alunos.

Outro feito inédito foi contar com presenças virtuais de alunos de diversos estados do Brasil e até de outros países, já que, nesse formato, as aulas podem ser acessadas de qualquer lugar. A lista inclui alunos de locais como Pernambuco, Tocantins, Mato Grosso do Sul, Chile, Reino Unido e México.

Interessados podem se matricular pelo site oficial do museu, e as vagas são limitadas. Cada curso custa a partir de R$ 240 (Amigo MASP tem 15% de desconto). O MASP Escola oferece bolsas de estudo para professores da rede pública em qualquer nível de ensino. Para concorrer a uma delas, os interessados devem preencher o cadastro disponível por meio da opção “Solicitação de bolsas para professores” na página de cada curso.

Todas aulas serão transmitidas ao vivo e contam com uma infraestrutura de atendimento e interatividade para promover uma experiência ativa e dinâmica de aprendizado. Participantes também podem acessar as gravações posteriormente, disponíveis por tempo limitado.

Os cursos serão realizados virtualmente pela plataforma Elos, parceira do museu. Após o encerramento, aqueles que obtiverem 75% de frequência receberão um certificado de conclusão de curso em formato digital.

O MASP segue estudando e promovendo maneiras de ampliar e difundir seu acervo por meio de encontros entre a arte e o público e o MASP Escola é uma importante ferramenta nesse contexto. Devido à pandemia, cursos semestrais migraram para o ambiente digital e outros, inéditos, são lançados mês a mês.

Veja abaixo a programação da primeira quinzena de maio.

 

Narrativas plurais: caminhos indígenas, quilombolas e afro-diaspóricos para a descolonização

Com David Ribeiro

Às quintas: 6, 13, 20, 27.5 e 3.6

Das 19h às 21h

Vagas limitadas

R$ 240 (Amigo MASP tem 15% de desconto)

Quais narrativas são apresentadas por indígenas e quilombolas quando as pessoas se dedicam a ouvi-las? Depois de ouvi-las, o que cabe ao Estado, à sociedade, às ciências e aos museus na tarefa efetiva da descolonização?

 

Histórias das exposições e crítica curatorial

Com Mirtes Marins de Oliveira

Às quintas: 6, 13, 20, 27.5 e 3.6

Das 19h às 21h

Vagas limitadas

R$ 240 (Amigo MASP tem 15% de desconto)

 

O curso oferece ferramentas para compreender o cenário de práticas expositivas e curatoriais de forma crítica. Elenca origens dos campos das histórias das exposições e da crítica curatorial, seus termos, padrões de operação, autores e textos que configuram o território. Dessa forma, questiona-se a categoria exposição, buscando analisar suas materialidades em contexto da experiência colonial/moderna.

 

Vestimentas e representações negras nas Histórias da arte

Com Hanayrá Negreiros e Juliana Ferrari Guide

Às terças: 11, 18, 25.5 e 1, 8, 15, 22 e 29.6

Das 19h às 21h

Vagas limitadas

R$ 385 (Amigo MASP tem 15% de desconto)

 

Costurando intersecções entre arte e moda, o curso traçará um percurso visual introdutório sobre representações e autorrepresentações de pessoas negras e seus modos de vestir ao longo das histórias da arte a partir do século 15. Serão analisados temas iconográficos como a adoração dos reis magos, as alegorias para os continentes e a devoção aos santos negros, assim como os retratos de pessoas negras nos séculos 19 e 20 e os modernismos na arte brasileira, tendo como ponto de chegada o século 21 e as inflexões promovidas pela produção de artistas da diáspora africana, sobretudo os afro-brasileiros.

 

Outras histórias da sexualidade: memórias invisibilizadas e arquivos dissidentes

Com Guilherme Altmayer

Às quartas: 12, 19, 26.5 e 2, 9.6

Das 19h às 21h

Vagas limitadas

R$ 240 (Amigo MASP tem 15% de desconto)

 

Este curso se propõe a analisar criticamente políticas de memória contemporâneas por meio do estudo de práticas estético-políticas não-normativas nas artes brasileiras. Partindo de arquivos e proposições artísticas sexo e gênero dissidentes enquanto ferramentas para a desconstrução de dinâmicas de disciplina e controle dos corpos, serão abordadas potencialidades contra-hegemônicas para contar outras histórias de gênero e sexualidade.

 

Serviço

Matrículas pelo link: masp.org.br/masp-escola

Após o encerramento do curso, aqueles que obtiverem 75% de frequência receberão um certificado de conclusão em formato digital

Patrocínio: Aché, Instituto Votorantim, Leroy Merlin, Livelo e Ultra

Empresa amiga: Elos